quinta-feira, agosto 30, 2012

Não se dispeça se nunca mais for voltar.

Um comentário:

Gustavo Caldas disse...

Como eu gosto do que vc escreve! *-*