sexta-feira, junho 17, 2011

É uma pergunta objetiva para uma resposta simples: será que um dia você volta? Tem sido desesperador te esperar sem a certeza de uma chegada sem ter um ponto de partida.

As pessoas estão comentando do louco que tem andado de braços abertos por aí.

domingo, junho 12, 2011

É óbvio que hoje pensei em você. Não por hoje ser o dia dos namorados, claro. Penso em você todos os dias desde que te conheci. Hoje é apenas mais um dia em que sinto falta da sua presença.

Bati minha cabeça contra meus pensamentos. Tem sido bem difícil tirar você das minhas lembranças. Apesar disso, não pretendo tirar você dos meus objetivos. Te desejo sempre o bem, o melhor, e engraçado é que ainda acredito que o melhor pra você sou eu.

Coração ferido. Orgulho abalado.

Tenho certeza que nossa ligação é de muito mais tempo.

Por mais que eu não tenha sido capaz te reconquistar nessa vida, acredito que ainda tenho uma eternidade para fazer isso.

E, quando a gente se reencontrar, certamente vamos nos reconhecer. Do mesmo jeito que foi quando nos vimos pela primeira vez.

Feliz dia dos namorados!



Ps: Qualquer coisa, não se esqueça: tenho uma marca em forma de coração na sola do meu pé, tá?