quinta-feira, junho 02, 2011

Olho pela janela e vejo o dia ensolarado. Queria tanto que chovesse.
Assim como o tempo, não temos controle sobre as pessoas e, é impressionante como todas elas, cedo ou tarde, me irritam. Não consigo conviver com alguém por muito tempo que suas manias de alguma forma acabam com o meu dia.
Acredito que eu esteja ficando velho e, com isso, cada vez mais crítico com quem eu realmente quero que permaneça comigo nos meus dias de chuva.
O que a maioria não percebe é que eu não preciso de alguém que segure um guarda-chuva pra mim, o que eu quero é alguém que tome a chuva comigo.
Queria tanto que amanhã fizesse sol...