quarta-feira, março 07, 2007

Estou super triste. Tudo me dá vontade de chorar. Hoje quase chorei quando vi um cara trabalhando de lixeiro. Mais tarde, no metrô, meus olhos encheram de lágrima quando vi uma velhinha sentada na sua cadeira cinza.

A minha vida anda muito sem graça. E ela devia estar sendo engraçada nesse meu momento de férias do banco. Queria conseguir urgentemente outro emprego pra sair daquela bosta. Só de imaginar eu sentado na minha mesa, já sinto vontade de chorar tb. Mesa, telefone tocando e chefe gritando, já entro em desespero.

Quando vou pra balada tudo me irrita. Quero espaço pra dançar, quero o banheiro limpo pra usar, quero a caipirinha com menos açúcar. Tudo me irrita. E por eu tentar me controlar a nao reclamar das coisas, fico ainda pior e tenho vontade de chorar. Tenho vontade de chorar quando percebo que ali tem tanta gente ao meu redor e eu continuo sozinho.

Subindo aquela ladeira maldita da faculdade, sinto vontade de chorar. Não por mim claro, mas pelas minhas pernas que não agüentam mais essa vida maldita andando a pé por aí. Não agüento mais usar meus pés pra andar, quero colocá-los pra cima num ato de liberdade. Pés pra cima e mãos na nuca.

Ando muito sozinho ultimamente e, com isso, um monte de besteiras surgem na minha cabeça. Coisas do tipo: será que eu fui muito mau na minha vida passada? Não é possível que meus objetivos nunca sejam alcançados e meus amores nunca retribuídos.

Alguém tem um prozac por aí? Pode ser uma arma tb!

9 comentários:

Vivi disse...

Acho q sei bem como se sente...to assim ja fazem 2 semanas. Meu trabalho é uma bosta, meus pais me irritam, minha irmã me irrita...o mundo me irrita!!! Mas se desesperar nao adianta!!! To pensando em me internar numa clinica de repouso para pessoas com estresse em nivel alto!!Será q existe isso???
Bjuss

Edu disse...

Bruno, vc escreve incrivelmente bem e deve possuir muitas outras qualidades... Pare com isso já!


Falando nisso, como anda o aparelho? Nem te conheço... hahahah Q intimidade ridícula!

Bju

Edu disse...

Escrevi o comentário anterior sem ter lido o que voce escreveu no outro post. Eu continuo te achando um arrogante Bruno. Demais. Não te conheço, mas te admiro muito... e não é questão de pagar pau ou coisa assim. Te acho um cara inteligentíssimo, de gênio e opiniões fortes e que sofre com isso. Difícil mesmo arranjar alguém que te entenda? Talvez. Mas nunca soube de ninguém que precisasse entender totalmente o outro para ser amado. Respeito. Amar os defeitos. Gosto exatamente desse deboche e desse "foda-se" que você finge tocar, mas que no fundo se preocupa com o que está escrito. Continuo te achando demais. Não escrevi o arrogante pra te agredir, nem pra te deixar nervoso... Escrevi porque é mais um dos adjetivos que você tem. Além de lindo, inteligentíssimo, sonhador, etc etc
Não te conheço pessoalmente e talvez nem queira e nem você (mas contar sorrisos é demais! os sorrisos devem ser distribuídos sim, o mundo anda mal das pernas meu rapaz...) Mas ADORO ler o que está escrito aqui. Não estou te julgando. For what? Nem minha vida nem a sua muda com as palavras aqui escritas...
Quero que você arrume um emprego melhor. Quero que você seja bem feliz.
That´s all.

Você sabe quem... disse...

Amigos....você é tão cheio deles, estão sempre ao seu redor... mas eles não bastam, não suprem certos momentos de nossas vidas. A solidão é opcional, não acontece por acaso... oportunidades aparecem e não são abraçadas... cobranças são feitas desnecessariamente... será que são propositais?
ATITUDES SÃO ESPERADAS... PORQUE ESPERADAS? É BEM MAIS FÁCIL, NÉ?SEM ATITUDE É AQUELE QUE FICA ESPERANDO POR UMA! Jamais fale pra uma pessoa que ela não tem atitude, sem antes ter a certeza de que você a tem!
Hoje você vive nesse stress todo, justamente por isso...
Já te falei uma vez e repito...não tente mudar o mundo de uma única vez... comece aos poucos...de acordo com o seu alcance e PARE DE RECLAMAR E SE COBRAR TANTO. Qual é a graça de uma vida sem problemas!! Olhe o que acontece ao seu redor, mas não cobre, não julgue, não esnobe... a razão por muitas vezes não está com a gente!!
Ah... o prozac e a arma você já tem!

nem_hein disse...

consigo coisas bem melhores q prozac

bruninho, o q te falta é uma balada de verdade pra lavar a alma e ai sim dar a largada em 2007

lucynicolodi disse...

bru, nao consigo te imaginar triste!! oq houve?

vc eh sempre tao bem humorado, ou entao com raiva.. mas nunca TRISTE, triste eh uma palavra forte!! Mas anyway, espero q melhore...

bjos!

Carlos Roberto disse...

Realmente a gente sofre do mesmo mal. Lendo seu blog até lembro de uns posts antigos do meu.
Enfim, tudo isso é foda, principalmente quando a gente tem a mania de achar que temos controle sobre muitas coisas sobre as quais não temos. Demora tempo para perceber isso, mas é real.
Só uma coisa... isso não quer dizer que as coisas se resolvem. É apenas uma maneira de ver as coisas diferentes.

anonimo disse...

quem sabe o segredo da vida seja simplismente vive-la...
nem td tem suas razoes...alias naum...td tem suas razoes...mais naum cabe a vc entende-las bruno...
qeu tal vc resolver viver sua vida menos racionalmente...
se descomplique...
viva mais...pense menos...
por melhor q vc seja naum cabe a vc mudar o mundo...martires acabam sempre mortos e incompreendidos...
agora resta a pergunta...
quem eh mais inteligente...eles q resolveram mudar o mundo...
ou as pessoas q tmb enchergaram os erros a sua volta...mas conceguiram se adaptar a eles?

lila disse...

bru.. eh assim mesmo;;
eu tenho essas palas o tempo todo...
inexplicaveis.. a saida eh se concentrar nas coisas boas q acontecem e ser feliz por elas..
felicidade atrai felicidade
bjosssssss
love you